Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Reitor reúne-se com Comitê de Governança, Riscos e Controles da UFPA

  • Acessos: 18
imagem sem descrição.

Com a finalidade de discutir os resultados dos trabalhos e os próximos passos em relação à Política de Gestão de Riscos, o reitor da Universidade Federal do Pará, professor Emmanuel Tourinho, reuniu com o Comitê de Governança, Riscos e Controles da UFPA, nesta quinta-feira, 6 de julho. A comissão, com 19 membros, foi formada com base em uma recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU) para sistematizar práticas relacionadas à gestão de riscos, aos controles internos e à governança.

Participantes - Estiveram presentes à reunião, além do reitor, o presidente da comissão, Idemar Ferreira; o pró-reitor de Ensino de Graduação, Edmar Costa; a procuradora geral, Fernanda Monte Santo; a assessora da Reitoria, Maria Bernadete Costa; membros da Pró-Reitoria de Planejamento (Proplan), Raimundo Almeida e Cristina Yoshino; a coordenadora de contratos e convênios da Proad, Adriana Cruz; da Auditoria Interna da UFPA, Ângela Santos e Clara da Silva; Denise Tavares, da Proad; o economista Paulo Pinheiro e o administrador Huderson Melo.

Objetivos - O encontro teve como meta a apresentação do texto da Política de Gestão de Riscos, para ser analisado e aprovado pelo Conselho Universitário. Também visou planejar a divulgação do Comitê para outros campi. Além disso, realçou os trabalhos já realizados pela Comissão e os trabalhos delineados para depois da aprovação.

Importância - Segundo o presidente da Comissão de Elaboração da Minuta da Gestão de Riscos, os principais benefícios desse processo são: “aumenta a probabilidade de atingir os objetivos institucionais; estimula uma postura de gestão proativa; melhora a eficiência e a eficácia operacional; minimiza perdas e reduz incidentes; encoraja o controle social; potencializa a transparência pública, entre outros benefícios.”

Expectativas - “A Gestão de Riscos, alinhada ao Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI), tem por objetivo orientar os processos de identificação, avaliação, tratamento, monitoramento e comunicação dos riscos das atividades da UFPA, contribuindo para o alcance dos objetivos institucionais como subsídio à tomada de decisão em todos os níveis da Instituição”, esclarece o presidente do Comitê.

Para o reitor, este processo tem grande importância para a UFPA, uma vez que possibilitará aperfeiçoar a gestão, para obter maior eficiência e transparência da Universidade. O reitor também apontou para a necessidade da cooperação de todos no aperfeiçoamento, já que as melhorias “partem de uma mudança cultural”.

Comitê de Governança, Riscos e Controles - Criado a partir de uma Comissão Especial para desenvolver o documento sobre Gestão de Risco, o comitê “promove a sensibilização quanto às mudanças de práticas e princípios de conduta e padrões de comportamento; garante a aderência às regulamentações, leis, códigos e demais normas, com vistas à condução das políticas públicas e à prestação de serviços de interesse público e supervisiona o mapeamento e a avaliação dos riscos-chave que podem comprometer a prestação dos serviços de interesse público”, explicou Idemar Ferreira.

Texto: Alice Palmeira - Assessoria de Comunicação da UFPA
Fotos: Alexandre Moraes

registrado em:
Fim do conteúdo da página